músicas para a trilha sonora dos tumultos em londres

09ago11

o cara está encobrindo o rosto com uma bandeira do… brasil? (via big picture)

desde sábado a inglaterra está queimando. tudo começou depois que um jovem negro foi morto, aparentemente, sem motivo algum (como se houvesse algum motivo justo para se matar alguém). a partir daí, vários protestos violentos se espalharam por várias cidades inglesas que acabaram resultando em saques, depredações e mais violência.

muitos taxaram as manifestações como mera delinquência, mas é evidente que lá no fundinho  alguma coisa está podre no reino de dona elizabeth. altos índices de desemprego, corte de verbas a centros de assistência, xenofobia e o racismo camuflado que existe em todo e qualquer lugar são apenas alguns dos problemas que podem ter servido de alimento para os tumultos.

por se tratar da inglaterra, um museu pop ambulante, obviamente todo mundo começou a fazer piadas e referências musicais com os acontecimentos. abaixo uma pequena amostra das músicas que eu vi o pessoal sugerindo no twitter como trilha sonora do caos.

* “panic”  – the smiths

gravada em 1986, a música causou controvérsia. alguns acharam que ela incentivava a revolta nas ruas contra o governo conservador de margaret thatcher, outros disseram que a canção tinha conotação racista por conter os versos “burn down the disco/ hang the blessed DJ”, uma vez que naquela época o que bombava nas discotecas era majoritariamente a música negra, muito por culpa do michael jackson.

lógico que o morrissey negou tudo e disse que apenas não se identificava com a música pop que dominava as paradas nos anos 80. tendo em vista as constantes declarações reaças que o morrissey dá por aí, sempre fica uma pulguinha atrás da orelha. morrissey é um conservador enrustido, você tá ligado, né.

* “anarchy in the uk”sex pistols

se você acha que os protestos não querem nada com nada e tudo não passa de baderna, essa é a trilha perfeita. o caos pelo caos.

* “london’s burning”the clash

the clash, a única banda punk que importa.

uma das bandas mais politizadas da história teve várias canções citadas (“white riot”, “police on my back”, “london calling”, pra ficar só em algumas) mas acho que a que melhor ilustra o momento atual é “london’s burning”. versos como “black or white turn it on/ face the new religion/ everybody’s sitting ‘round watching television!/London’s burning with boredom now” já dizem tudo. certamente o joe strummer reprovaria os saques e todo esse vandalismo, mas acho que ele apoiaria a causa daqueles que ainda tem causa.

* “ghost town” the specials

aqui o cenário já é pós-apocalíptico e retrata todo o desespero e fundo do poço pelo qual a inglaterra passava nos anos 80 durante o governo thatcher. a banda ainda teve a sorte de a música ter sido lançada pouco tempo antes dos tumultos de 1981 em londres, birminham, liverpool e leeds, semelhantes aos dessa semana. e a letra põe os pingos nos is.

This town, is coming like a ghost town
Why must the youth fight against themselves?
Government leaving the youth on the shelf
This place, is coming like a ghost town
No job to be found in this country
Can’t go on no more
The people getting angry

é isso.



No Responses Yet to “músicas para a trilha sonora dos tumultos em londres”

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: